Page 2 - Fasccilo 2 da Homenagem ao Professor Lúcio Craveiro da Silva promovida pelo Diário do Minho
P. 2




Cultur
II Culturaa QUARTA-FEIRA, 26 de novembro de 2014 Diário do Minho






Amanhã, na Universidade do Minhoersidade do Minho
Amanhã, na Univ



Colóquio de homenagemlóquio de homenagem
Co




ao Prof. LúcioProf. Lúcio
ao






Cr
Craveiro da Silvaaveiro da Silva







Biblioteca de que é patrono. Para o efeito, lioteca de que é patrono. Para o efeito,
Ocorre amanhã, 27 de novembro, o 1.º Cen-re amanhã, 27 de novembro, o 1.º Cen-
Ocor Bib
para além do número que lhe dedicámos a além do número que lhe dedicámos
t
tenário do Nascimento do Prof. Lúcio Craveiro enário do Nascimento do Prof. Lúcio Craveiro par
há uma semana, editamos hoje um ca-
da Silva, sacerdote jesuíta que foi Reitor da dote jesuíta que foi Reitor da
da Silva, sacer há uma semana, editamos hoje um ca-
der
Univ
Universidade do Minho (o primeiro reitor ersidade do Minho (o primeiro reitor derno especial que reúne “testemunhos” no especial que reúne “testemunhos”
de algumas pessoas que lidaram de perto am de perto
eleito em Portugal, por sua própria exigên-o em Portugal, por sua própria exigên-
eleit de algumas pessoas que lidar
com o Prof. Lúcio Craveiro.of. Lúcio Craveiro.
cia...). Homem de elevadíssima cultura e de a e de
cia...). Homem de elevadíssima cultur com o Pr
Este sacerdote, falecido em agosto de e sacerdote, falecido em agosto de
gr Est
grande visão estratégica, tinha também uma ande visão estratégica, tinha também uma
1.º Centenárioenário
2007, tendo nascido em Tortosendo 7, tendo nascido em Tortosendo
maneir
maneira muito particular de se relacionar a muito particular de se relacionar 200 1.º Cent
(Covilhã), fez de Braga “a sua casa” – vilhã), fez de Braga “a sua casa” –
com as pessoas, fossem elas ou não do seu ossem elas ou não do seu
com as pessoas, f (Co
e esta muito lhe deve, como aliás já o lhe deve, como aliás já
nível cultural.el cultural. e esta muit do N
nív
do Nascimentoascimento
r
O
O “Diário do Minho”, através deste caderno “Diário do Minho”, através deste caderno reconhe ceu ao atribuir o seu nome a econhe ceu ao atribuir o seu nome a
uma das suas instituições mais “nobres”: “nobres”:
cultur uma das suas instituições mais
cultural, associa-se à homenagem que é pro-al, associa-se à homenagem que é pro-
a Biblioteca Lúcio Craveiro da Silva.lioteca Lúcio Craveiro da Silva.
mo
movida pela Universidade do Minho e pela vida pela Universidade do Minho e pela a Bib
Programa do Colóquio / Homenagemograma do Colóquio / Homenagem
Pr
Universidade do Minho – Salão Nobre da Reitoria – Largo do Paço – Braga – 27 de novembro de 2014 — Entrada livreersidade do Minho – Salão Nobre da Reitoria – Largo do Paço – Braga – 27 de novembro de 2014 — Entrada livre
Univ
09h00 – Abertura: António M. Cunha (Reitor da Universidade do Minho); António Ponte Lobo-Fernandes (Escola de Economia e Gestão da UMinho). Participantes: Adriano Moreira
(Diretor Regional de Cultura do Norte em representação do Secretário de Estado da Cultura); (Academia das Ciências de Lisboa): Lúcio Craveiro da Silva: Construção de uma Universidade
Miguel Bandeira (Vereador da C. M. de Braga em representação da Edilidade bracarense); (Minho e Évora); F. Carvalho Guerra (Univ. Católica Portuguesa) – Lúcio Craveiro da Silva;
Eduarda Keating (Presidente do Conselho Cultural da UMinho); Eunice Ribeiro (Presidente Manuel Santos Silva (Univ. da Beira Interior): Lúcio Craveiro da Silva: um humanista beirão;
do Instituto de Letras e Ciências Humanas da UMinho). Fátima Ferreira (Departamento de História do Instituto de Ciências Sociais da UMinho): Lúcio
Craveiro da Silva e o ensino superior no norte de Portugal.
09h45 – Lúcio Craveiro da Silva e a abertura ao exterior. Moderador: João Ribeiro Mendes
(do Instituto de Letras da UMinho). Participantes: Manuel Morujão (Superior dos Jesuítas em 16h30 – Lúcio Craveiro da Silva – Homem de Pensamento. Moderador: Manuel Gama
Braga) – O perfi l humano de serviço de Lúcio Craveiro da Silva; Henrique Barreto Nunes (Instituto de Letras e Ciências Humanas da UMinho). Participantes: António Melo (Faculdade
(Vice--Presidente do Conselho Cultural da UMinho) – Lúcio Craveiro da Silva e o Conselho de Filosofi a da Univ. Católica / Braga): Apresentação da tradução da obra “Curso de Filosofi a
Cultural; Aida Alves (Diretora da Biblioteca Lúcio Craveiro da Silva) – Apresentação do site Moral”, de Lúcio Craveiro da Silva; Manuel Ferreira Patrício (Universidade de Évora): A pre-
sobre o patrono da Biblioteca. sença da radicalidade universal na fi losofi a situada de Lúcio Craveiro da Silva; Acílio Estan-
queiro Rocha (Depart. de Filosofi a do Instituto de Letras e Ciências Humanas da UMinho): O
11h30 – Lúcio Craveiro da Silva na Univ. do Minho: A visão de ex-Reitores. Moderador: Acílio Pensamento Filosófi co de Lúcio Craveiro da Silva; Fernando Machado (Depart. de Filosofi a
Estanqueiro Rocha (Departamento de Filosofi a do Instituto de Letras da UMinho). Participantes: do Instituto de Letras e Ciências Humanas da UMinho): Lúcio Craveiro da Silva, o jesuíta que
Sérgio Machado dos Santos, Licínio Chainho Pereira e António Guimarães Rodrigues. se preocupou com a felicidade na terra – um olhar sobre o social; José Marques Fernandes
(Depart. de Filosofi a do Instituto de Letras e Ciências Humanas da UMinho): Lúcio Craveiro
14h30 – Lúcio Craveiro da Silva na “construção” de uma Universidade. Moderador: Luís da Silva ‘iluminado’ por Antero de Quental.




Envio de trabalhos para publicação neste suplemento
Diário do Minho N.º 778
Cultura 26.Novembro. Rua de S. ta Margarida, 4 - 4710-306 Braga; Fax: 253609469. E-mail: cultura@diariodominho.pt
Cultura
Diário do Minho / Secção Cultural
2014
   1   2   3   4   5   6   7